MENU
cm-condeixa.pt / notícias / Saneamento já chega a 90% dos habitantes do concelho
10 de Outubro de 2020

Saneamento já chega a 90% dos habitantes do concelho

O ministro do Ambiente e da Ação Climática ficou "encantado" e surpreendido com as soluções técnicas das cinco ETAR inauguradas ontem em Condeixa-a-Nova.

Cinco novas Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR), inauguradas ontem, fazem com que o saneamento, em Condeixa-a-Nova, chegue agora a 90 por cento dos habitantes. É um investimento "invisível", mas "muito importante" que deixou o ministro do Ambiente e da Ação Climática "espantado".

"Os investimentos que temos vindo a fazer nos últimos anos, apesar de aparentemente invisíveis, porque estão enterrados, longe da vista, podem passar despercebidos à esmagadora maioria dos munícipes mas representam uma importância vital para a preservação dos recursos ambientais e para o desenvolvimento sustentável do nosso concelho", afirmou Nuno Moita da Costa.

"Estou encantado com as soluções técnicas que vi, pensadas de forma otimizada, são ETAR de peque - na dimensão e pequeno impacto, uma solução magnífica, que conta com tratamento terciário, que é o mais sofisticado que existe". As palavras entusiasmadas são do ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, logo após a visita à ETAR da Lameira, onde descerrou a placa inaugural.

O investimento, em curso desde 2017, é de 1,9 milhões, financiado em 1,4 milhões pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) e permitiu que o saneamento beneficiasse cerca de mil pessoas de 12 localidades - Casal das Figueiras, Condeixa-a-Velha, Caneira, Anobra, Lameira, Ega, Venda da Luísa, Casal de São João, Ameixeira e Vale de Janes. Estão ainda a decorrer obras na Presa e Relves, no limite do concelho, onde foi construída a rede de esgotos e está em fase de construção uma ETAR.

Durante a cerimónia, João Pedro Matos Fernandes garantiu ainda que "não serão excluídos dos apoios europeus ao ciclo urbano da água os municípios que não adiram ao processo de agregações nesta área", respondendo a Nuno Moita da Costa que antes tinha dito que "o requisito de agregação pode em alguns casos, como Condeixa, atrasar o plano de investimentos que é necessário executar para acompanhar as metas europeias no que diz respeito ao abastecimento de água e saneamento", sendo "um espartilho à ação dos municípios".

Ressalvando que o Governo "nunca deixará" de defender alegadas vantagens na agregação de municípios para, com apoio financeiro da União Europeia, modernizarem os sistemas de distribuição de água para consumo humano, saneamento, recolha e tratamento de resíduos sólidos, o ministro realçou "a certeza de que a última decisão é sempre das autarquias".

ARQUIVO

mais notícias relacionadas com Obras
CONDEIXA-A-NOVA, CIUDAD ROMANA
Red de Ciudades Romanas del Atlántico
CASA MUSEU FERNANDO NAMORA

Largo Artur Barreto
3150-140
Condeixa-a-Nova

Tel. 239 940 146

ORÇAMENTO PARTICIPATIVO
PARTICIPE!

Orçamento Participativo de Condeixa-a-Nova

WWW. opcondeixa.pt

AGENDA 21 LOCAL
SUSTENTABILIDADE

Gestão partilhada e sustentável do futuro do município de Condeixa-a-Nova.

WWW. agenda21condeixa.com

FARMÁCIAS 24H

  • Farmácia Ferreira

    Av. Visconde de Alverca, 47 Condeixa-a-Nova Tel.: 239 941 466 (Permanente)

    + INFO