MENU
cm-condeixa.pt / notícias / Intervenção na muralha e nova bilhética em Conimbriga
25 de Janeiro de 2018

Intervenção na muralha e nova bilhética em Conimbriga

Pela primeira vez em vários anos, a Autarquia de Condeixa-a-Nova conseguiu candidatar a fundos comunitários um projeto de investimento nas Ruínas Romanas de Conimbriga, que obteve a aprovação de 389 mil euros, para um orçamento global de 457 mil euros.

Trata-se de proceder à reconstrução e conservação de parte da muralha que confina com a povoação de Condeixa-a-Velha, instalar um novo sistema de bilhética e criar uma loja nas instalações do museu.
De forma a conseguir avançar com as empreitadas num prazo até ao verão – de acordo com os procedimentos processuais – foi ontem assinado um protocolo de cooperação entre a Direção Geral do Património Cultural (DGPC) e o município.

Ficou estipulado que a DGPC assegura a contrapartida nacional da candidatura, de 69 mil euros, através do seu orçamento de investimento, bem como o apoio técnico da obra e, após, garantir a manutenção do espaço.
À autarquia de Condeixa-a-Nova cabe assumir o papel de dono da obra e a sua fiscalização, assistindo-lhe o direito de ser reconhecido como entidade parceira.

O presidente da Câmara, Nuno Moita, disse que o protocolo de ontem foi “um momento histórico, após duas décadas e meia sem um investimento relevante em Conimbriga”.

Reconhecendo que a obra que vai ser agora executada é apenas uma primeira parte da intervenção que se pretende, acrescentou que está avaliado em cerca de mais dois milhões um próximo investimento, que também será alvo de candidatura à Europa, para ampliar o Museu Monográfico e constituir um laboratório do azulejo.

A terceira parte, para a qual não há prazo de execução, deverá contemplar escavações arqueológicas, de forma a ampliar o espaço de visitação.

Por seu lado, a diretora da DGPC, Paula Araújo da Silva, referiu que “este é um momento que conjuga vários momentos importantes” para a estação romana, acrescentando que “este é o primeiro dia de um caminho longo que temos de perseguir” na valorização de “um local exemplar e único em Portugal”.

“Queremos que os públicos escolares voltem a vir a Conimbriga”, afirmou a diretora-geral da DGPC, que conferiu também posse ao novo diretor do Museu Nacional, o arqueólogo José Ruivo.

Refira-se que em junho de 2017, a Câmara de Condeixa entregou à Comissão Nacional da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) em Portugal, uma candidatura à classificação como Património Mundial.

ARQUIVO

mais notícias relacionadas com Obras, Turismo
CASA MUSEU FERNANDO NAMORA

Largo Artur Barreto
3150-140
Condeixa-a-Nova

Tel. 239 940 146

AGENDA 21 LOCAL
SUSTENTABILIDADE

Gestão partilhada e sustentável do futuro do município de Condeixa-a-Nova.

WWW. agenda21condeixa.com

FARMÁCIAS 24H

  • Farmácia Anobra

    Rua da Republica, 7 Anobra Tel.: 239943320

    + INFO
  • Farmácia Rocha

    Praça da República Condeixa-a-Nova Tel.: 239941301

    + INFO